O parto é seu e a percepção sobre ele também.



Precisamos refletir urgentemente sobre como alguns profissionais têm se portado em relação ao parto alheio.


Vemos internet afora diversas equipes contando como foi o parto da gestante que acompanharam, geralmente através de relatos de parto que alguém da equipe fez sobre a vivência da mulher.


E por que podemos considerar problemático? Primeiro porque o parto é da mulher. Parece óbvio, né? Mas muitos ainda não entenderam o real conceito de protagonismo. Segundo que parto é uma experiência EXTREMAMENTE subjetiva. Nós, por exemplo, já acompanhamos alguns partos onde a nossa percepção foi totalmente diferente da que a gestante sentiu. Já vimos mulheres referirem sensação de trauma em parto que na nossa percepção foi bem tranquilo e gestante que amou um parto que achamos dificílimo.


Precisamos entender também, que parto respeitoso não é igual a gostar de parir. Algumas mulheres vão enxergar o parto como um evento belíssimo e transformador. Pra outras não fará tanta diferença assim. E outras tantas não gostarão nem um pouco, independentemente da via de parto, inclusive.


Então, acreditamos ser necessário refletir sobre isso e respeitar de verdade o lugar de fala dessa mulher. Nosso papel é de acolhimento, de boa assistência e de escuta.


Quem diz se teve uma experiência bacana ou não é a MULHER. 😉💕

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Logo LM Branco.png