Intercorrência no parto: você está preparada para possivelmente passar por isso?


Quem está na obstetricia sabe: parto é um evento fisiológico, que foi feito pra dar certo. Se a gente não atrapalhar a mulher e deixar ela viver esse processo de forma natural e respeitosa, as chances de tudo acabar bem são enormes. Bebê e mãe saudáveis, esse é o combinado! Mas e quando as coisas fogem ao nosso controle? Você já parou pra pensar nisso?


A OMS diz que em torno de 20% das gestantes precisarão de uma cesárea. E ela pode acontecer por diversos motivos, por questões maternas ou fetais. Mas também temos outros tipos de intercorrência, como bebês que precisam de reanimação ou mulheres que tem hemorragia. E nós, da Livre Maternagem, acreditamos que se preparar para uma eventual intercorrência também é preciso.


Porque se você não sabe que isso pode acontecer, o susto é maior. Um bebê que nasce mais molinho já te traz um desespero absurdo ou um sangramento aumentado, por exemplo. Então, converse sobre esse assunto com a sua equipe no pré-natal. Sem pânico ou alardes, mas de forma consciente e baseada na realidade.


Dito isso, você sabe como a sua equipe atua em casos de intercorrência? Todos estão com os cursos em dia? Porque o que a prática nos mostra é que uma boa equipe técnica faz muita diferença nesse momento. Serenidade, atualização e foco farão muita diferença.


Sigamos sempre confiando no poder da natureza, mas sabendo que para toda regra existe uma exceção.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Logo LM Branco.png