Toque vaginal de rotina na gestação: precisa?


Toque vaginal de rotina na gestação: é realmente necessário?


O toque vaginal é um exame realizado pelos profissionais de saúde com o objetivo de avaliar a vagina e, principalmente, o colo do útero da gestante. Através dele, sabemos se o colo está fechado ou aberto, curto ou longo, fino ou grosso. Algumas mulheres sentem uma dor importante, outras um leve incômodo.


Quem já leu os nossos posts sobre fases do trabalho de parto, sabe que para dilatar, o colo do útero precisa, em geral, de contrações longas, dolorosas e ritmadas. Existem algumas exceções como as mulheres com insuficiência istmo cervical, por exemplo ou que dilatam com contrações leves. Mas, na grande maioria dos casos, o colo do útero precisa de contrações importantes para que comece a apagar, afinar e depois dilatar.


Sabendo disso, na sua opinião, faz algum sentido receber toque vaginal de rotina durante o pré-natal fora de trabalho de parto? Infelizmente, com uma certa frequência recebemos relatos de mulheres que são tocadas em todas as consultas a partir 37 semanas.


Não há embasamento científico que justifique tal prática. Primeiro porque a partir dessa idade gestacional, o bebê já está a termo (não é mais considerado prematuro). Segundo porque isso só vai deixar a gestante mais ansiosa.


Pensa com a gente: se o colo tiver “bom” você pode achar que vai parir a qualquer momento e só entrar em trabalho de parto a qualquer momento. E se estiver “ruim” achar que vai demorar a parir. Só que nenhuma dessas afirmações é verdade.


Algumas mulheres podem estar com o colo grosso, longo, duro, posterior e fechado pela manhã e parir a noite. E o contrário também é possível: algumas mulheres podem estar com 5cm pela manhã e o bebê só nascer muitas horas depois.


Além disso, mulher e bebê ficam mais expostos à infecção com toques rotineiros e desnecessários. Se o seu médico sugerir tal prática, questione o motivo.


O parto e o corpo são seus. 😉💕

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Logo LM Branco.png